sábado, abril 19, 2008

VEREDICTO FINAL !


















F.C.PORTO 2
S.L.BENFICA 0
.



OS VERDADEIROS CAMPEÕES NÃO SENTEM PRAZER EM HUMILHAR OS FRACOS !

.

7 comentários:

disse...

- O que acontece a um jogador depois de marcar um golo, se despir a camisola e arrancar a bandeirola de canto?

Toda a actualidade sobre futebol, comentada por 2 benfiquistas, 2 sportinguistas e 2 portistas num blog só:

http://amesaredonda.blogspot.com/

Também a actualidade futebolística é discutida no Águia de Ouro:

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

Visitem...

AZUL DRAGÃO disse...

TÓ :


Acontece o que aconteceu a LISANDRO LOPEZ !

dragao vila pouca disse...

GRANDE PÚBLICO
GRANDE AMBIENTE
GRANDE SEGUNDA-PARTE
GRANDE LISANDRO
GRANDE SUPERIORIDADE
RESULTADO ESCASSO
E NO FIM CHAMEM A POLÍCIA.
Pinto da Costa afirmou na apresentação da taça da europa de bilhar que Licha não sai por preço nenhum.É inegociavel.
Um abraço

AZUL DRAGÃO disse...

Dragão Vila Pouca :

GRANDE FCPORTO !

Um abraço

Paulo Pereira disse...

Nem mais...

Não se bate num adversário caído.

Mas, mesmo assim, jogando sem pressão, o Porto demonstrou de forma inequívoca a diferença abissal k o separa dos pretensos grandes deste País...

Dominador, mandão, personalizado, o Dragão de ontem foi o suficiente para empalidecer ainda mais a réplica de equipa k defrontou...

Para o final, a frase chave de tudo, dita por Chalana na cnferência de imprensa: "Não fomos humilhados..."

E, quando alguém o diz, de forma tão aliviada, é bem demonstrativo do medo sentido por jogar naquele palco...

AZUL DRAGÃO disse...

Paulo :

Não foram humilhados (apenas só) graças à nobreza dos jogadores do F.C.PORTO !

Dragaopentacampeao disse...

Jogar ao seu nível normal e construir uma goleada, jamais poderá ser entendido como humilhação, seja contra o ultimo ou o primeiro.

O FC Porto da primeira parte não foi o Tricampeão, a máquina trituradora.

Eu gosto da máquina em movimento. O relaxamento é mais próprio dos «outros».

Se os adversários estão caídos, problema deles. Não temos obrigações morais. O futebol é um jogo. Não somos a Santa Casa da Misericórdia. De resto quem tem pena... é galinha!

Nós somos Dragões. Temos obrigação de cuspir as labaredas.

Somos os melhores e por isso quando o massacre é possível não há que hesitar.

Por isso não compreendo a atitude da primeira parte.

Um abraço